Caça Menor      

 

 

Feira na aldeia do Velho Murtigão.  23-01-2012 20:56:53 Escrito por velhomurtigao  (82 Respostas)  

 

Isto é um programa de se lhe tirar o chapéu!  23-01-2012 23:25:31 Resposta por joseneves   

 

infelizmente nã há nenhuma batida...  24-01-2012 10:46:27 Resposta por velhomurtigao   

 

ah,é verdade...  24-01-2012 10:56:09 Resposta por velhomurtigao   

 

isto vai ser bonito....  25-01-2012 8:43:58 Resposta por velhomurtigao   

 

Senhor Grande Mestre  25-01-2012 11:15:07 Resposta por fscooter57   

 

11/2/2012...  25-01-2012 12:22:37 Resposta por velhomurtigao   

 

e mais boas novidades....  25-01-2012 12:59:47 Resposta por velhomurtigao   

 

Atão… mas o que bem a ser isto…?!?!?!  25-01-2012 13:57:04 Resposta por jffs-B52   

 

ó Confradissímo e amigo Julio...  25-01-2012 16:12:29 Resposta por velhomurtigao   

 

Esta 1ª edição...  25-01-2012 16:19:52 Resposta por arcanais   

 

Pois… modernismos!!! É que é!  25-01-2012 18:13:04 Resposta por jffs-B52   

 

isto são ventos....  25-01-2012 18:46:30 Resposta por velhomurtigao   

 

SOU O UNICO DE SANTO ALEIXO???????????  25-01-2012 19:01:04 Resposta por velhomurtigao   

 

acabei de ter a confirmação...  25-01-2012 21:13:12 Resposta por velhomurtigao   

 

confrade ,  25-01-2012 22:15:07 Resposta por Ggodinho   

 

e seja muito bem vindo....  25-01-2012 22:51:56 Resposta por velhomurtigao   

 

SOU UM IDOSO...  26-01-2012 19:14:42 Resposta por velhomurtigao   

 

Vou falar ao Luís Paiva e José Neves…  26-01-2012 19:38:31 Resposta por jffs-B52   

 

Caro Confrade Jsousa,  26-01-2012 21:42:00 Resposta por joseneves   

 

temos os animais molhados...  27-01-2012 9:18:31 Resposta por velhomurtigao   

 

Aqui…  27-01-2012 10:00:52 Resposta por jffs-B52   

 

Mestre...........................  27-01-2012 10:07:45 Resposta por jffs-B52   

 

pois...e o velhote enganou-se,Julio Sousa...  27-01-2012 12:42:07 Resposta por velhomurtigao   

 

já tive que me chatear com...  27-01-2012 14:23:08 Resposta por velhomurtigao   

 

e o amigo Luis Fialho,,,?  27-01-2012 21:04:52 Resposta por velhomurtigao   

 

bem,meus amigos....  29-01-2012 18:51:10 Resposta por velhomurtigao   

 

Se o comunicado do Venerando Mestre é a sério  29-01-2012 20:15:45 Resposta por luislanca5351   

 

Não pode ser…!!!  30-01-2012 9:46:32 Resposta por jffs-B52   

 

Sinais dos tempos  30-01-2012 12:53:08 Resposta por Saturnino   

 

Boa sorte na sua nova tarefa e muito obrigada  30-01-2012 14:26:50 Resposta por jcosta   

 

Onde pára a restante Confraria…???  31-01-2012 10:41:09 Resposta por jffs-B52   

 

Ó Confrade José Manuel…  31-01-2012 12:16:50 Resposta por jffs-B52   

 

Confrade Velhomurtigão  31-01-2012 15:16:38 Resposta por Jaime   

 

Depois de ter lido a correspondência  31-01-2012 21:32:56 Resposta por joseneves   

 

Confrade Júlio Sousa  31-01-2012 16:23:42 Resposta por jcosta   

 

A montaria da Lagoa  01-02-2012 8:44:19 Resposta por franciscoleitao   

 

Confrade Francisco Leitão  01-02-2012 11:03:46 Resposta por jcosta   

 

Confrade JCosta  01-02-2012 11:52:46 Resposta por franciscoleitao   

 

Zona de Caça Municipal  02-02-2012 11:01:49 Resposta por pcruz   

 

Confrade José Manuel…  01-02-2012 20:58:34 Resposta por jffs-B52   

 

Senhor Grande Mestre, Altíssimo Caçador,  02-02-2012 13:07:08 Resposta por fscooter57   

 

Faço minhas ...  02-02-2012 14:52:14 Resposta por Luis Paiva   

 

Não me conformo!  02-02-2012 16:51:53 Resposta por arcanais   

 

Como Deseja o Senhor Grande Mestre  02-02-2012 16:36:20 Resposta por fscooter57   

 

Muito bom...  02-02-2012 21:03:55 Resposta por JulioSousa   

 

Apesar de estar um pouco apressado,  02-02-2012 22:47:00 Resposta por joseneves   

 

Antão… cá vai!  03-02-2012 11:22:11 Resposta por jffs-B52   

 

Gostei da descrição! E da eficácia!  03-02-2012 22:21:07 Resposta por joseneves   

 

bem caro mestre dos mestres  05-02-2012 13:01:42 Resposta por tourcoing59   

 

Atão, com'é qu'é qu'é??? Ninguém diz nada???  07-02-2012 21:01:23 Resposta por JulioSousa   

 

bem quem não tem nada a dizer  08-02-2012 18:42:41 Resposta por tourcoing59   

 

Nada a dizer  09-02-2012 10:43:10 Resposta por Saturnino   

 

ora ai €stá  09-02-2012 19:27:12 Resposta por tourcoing59   

 

Confrade Zé Santos...  09-02-2012 11:33:35 Resposta por JulioSousa   

 

MAGANA DA MANA!!!!  09-02-2012 14:04:53 Resposta por velhomurtigao   

 

POIS SEJA MUITO BEM-VINDO...  09-02-2012 17:23:49 Resposta por arcanais   

 

Atão!...  09-02-2012 21:42:21 Resposta por arcanais   

 

antes de mais e respeitosamente...  09-02-2012 21:52:24 Resposta por velhomurtigao   

 

Senhor Grande Mestre!!!!!!!!!!!!!!  09-02-2012 22:12:26 Resposta por fscooter57   

 

e o motivo porque nã fui...  09-02-2012 22:51:53 Resposta por velhomurtigao   

 

Cá pra mim...  09-02-2012 22:53:58 Resposta por Jaime   

 

opsss...  09-02-2012 22:56:09 Resposta por Jaime   

 

mas aquele medronho algarvio....  09-02-2012 23:07:05 Resposta por velhomurtigao   

 

e muito obrigado....  09-02-2012 23:11:39 Resposta por velhomurtigao   

 

grande batalha campal na....  09-02-2012 23:25:32 Resposta por velhomurtigao   

 

Excelente! Três vezes excelente!  09-02-2012 23:30:43 Resposta por joseneves   

 

Tem razão José Neves…  10-02-2012 0:07:38 Resposta por JulioSousa   

 

e eu,como o grandessíssimo...  09-02-2012 23:36:01 Resposta por velhomurtigao   

 

A noite vestiu-se de gala…  09-02-2012 23:40:32 Resposta por JulioSousa   

 

já tava muito saudosista....  10-02-2012 0:11:04 Resposta por velhomurtigao   

 

Bem vindo... Mestre VelhoMurtigão!!!  10-02-2012 8:47:30 Resposta por franciscoleitao   

 

muitos e bons dias...  10-02-2012 9:16:53 Resposta por velhomurtigao   

 

atão....?  10-02-2012 16:08:08 Resposta por velhomurtigao   

 

atão,amigo Arcanais...  10-02-2012 18:16:27 Resposta por velhomurtigao   

 

e eu alembrando-me...  10-02-2012 18:36:34 Resposta por velhomurtigao   

 

Alembrando-me eu também…  10-02-2012 20:26:49 Resposta por JulioSousa   

 

Julio Sousa,ocê....  10-02-2012 21:28:53 Resposta por velhomurtigao   

 

Ó Confrade Júlio, continue!  10-02-2012 22:06:17 Resposta por joseneves   

 

Eh! Eh! Eh! Eh!  10-02-2012 22:55:45 Resposta por JulioSousa   

 

atão e nã há mais novidades?  13-02-2012 19:03:01 Resposta por velhomurtigao   

 

''C.P.M.''  13-02-2012 19:30:41 Resposta por velhomurtigao   

 

Mas isso é um Clube ...  13-02-2012 21:44:27 Resposta por Luis Paiva   

 

feira na aldeia  06-11-2012 10:58:28 Resposta por cadavez   

 


Como Deseja o Senhor Grande Mestre 

Visualizações 775

fscooter57  02-02-2012 16:36:20
 
 

escrevo aqui os relatos do fim de semana.

Sábado dia 28 de Janeiro:
Montaria em Sta. Cruz, Santiago do Cacém. Preço do posto 60 € com o sistema de "mata - pendura" (infelizmente em certas zonas é a regra, actualmente).
Reunião no Clube Desportivo de Sta. Cruz, com lauto pequeno almoço composto carne frita, toucinho frito, miúdos de borrego fritos e fatias de ovo (fritas!!) tudo regado com café, leite, sumo ou vinho, conforme os gostos.
Sorteio na altura da inscrição, sem que se saiba o que vai ou não vai a sorteio (penso que não houve marosca, pelo número de caçadores da terra que não atiraram).
Calhou-me em sorte a pota 33. Situada numa estrada, no alto do cabeço mais alto das redondezas e que não tinha que uns poucos pés de mato. Em cada uma das encostas mato à farta!! Pensei que só um javali suicida se apresentia no "pelado" tendo tanto mato à volta. No entanto a encosta fronteira às traseiras da porta tinha bastante interesse, apesar da distância média de tiro de cerca de 180 metros medidos com o telémetro.
Como arma a minha fiel Browning Bar Light em 30.06 com balas Norma Vulcan de 180 grains e sem óculo, o qual no entanto estava no bolso de trás do meu casaco, "por se acaso".
Decorrera cerca de 1 hora e meia de montaria quando ouço uma ladra nas minhas costas ao longe e subi um pouco para poder ver a referida encosta. Carabina ao ombro e situado no meio dos poucos pés de mato do cabeço perscruto a olho nú o terreno, quando ouço algo nas minhas costas, viro-me e vejo um javali a correr no pelado a cerca de 10 metros do meu banco e mochila e a cerca de trinta metros de mim e na direccção do mato que tenho na frente.
Encaro rapidamente a carabina e penso: «vou tentar um tiro ao pescoço para não estragar carne», aponto, corro a mão e disparo semparar a mão. O animal cai ao tiro no sítio e tem um breve estertor. Que falta me faz um Marlboro vermelho 100' agora, penso. Remunicio, apanho o cartucho vazio e aproximo-me com a arma ao ombro. É uma porca de cerca de 80 kg, bem gorda e mamada de 5 têtas, mas ainda com pêlos nas ditas, o que indicia o parto há poucos dias, mas já com a vulva no seu tamanho normal. Sangrei-a com cuidado pois vou levar a carne para meu consumo.
Tiros contei cerca de 120 e na junta estavam 17 javalis de bom tamanho, na sua maior parte, estando felizmente ausentes os miúdos de pijama.
Pena que quando já se tinham levantado as portas, ocorriam ladras em vários sítios e durante muito tempo os cães levantaram e correram infrutiferamente bastantes porcos (mais de trinta no dizer dos dois matilheiros que esperaram hora pelos seus cruzados de griffon que levaram os porcos "até Grândola").
Pena que a organização em tudo impecável não tenha tido uma eficiente comunicação com os matilheiros e permitisse aproveitar e disfrutar dos lances com os javalis acamados no fim da mancha.

Domingo dia 29 de Janeiro:
Montaria na Associativa do Monte Feio, Abela, para sócios e convidados. Reunião na antiga Escola Primária do Monte Feio, sede da Zona de Caça Associativa.
Preço do Almoço 20 €. Carne a dividir por todos. Se algum dos caçadores, sócio ou convidado pretendesse levar o javali eventualmente por si abatido, deveria pagar 30 € adiantadamente, revertendo estes como ajuda à Associativa.
Ambiente de amizade, onde todos se conhecem e pequeno almoço composto de fatias de ovo (como não!!) fazendo parte do "pacote" e as bebida que cada um preferisse, pagas à parte no bar da referida sede.
Sessenta portas marcadas e sessenta e três caçadores. Organização um pouco amadora.
Calhou-me a sorte de me inscrever em número sessenta e dois. Chamada por ordem de inscrição, logo não havia porta! Vários se prontificaram a ceder-me a sua porta, mas eu (um pouco amanhosado confesso) pulidamente recusei. Resultado, meteram-me num vale fundo no meio da mancha e com a minha strakkar ao lado.
Um vale fundo, bastante arborizado de grandes sobreiros, cortado por uma estrada e um riacho no extremo inferior, paralelo a outra estrada onde deixei a 4x4 escondida. O subcoberto de mato alto é quase impenetrável, com uma só clareira com alguma visibilidade. Não tinha dúvidas que se fosse javali passaria por aquele sítio, mas também não tive dúvidas que se algum passasse ali eu não o veria a menos que atravessasse a estrada.
Cerca de 45 minutos depois de estar instalado no meio da estrada e no sítio de maior visibilidade oiço uma ladra e 5 (!!!) tiros de rajada e pouco depois corridas no "meu" vale sem que vislumbre mais que uns ligeiros agitar de mato. Um dos cães para a ceca de 40 metros de mim ecomeça a ladrar de parada. Outros se lhe juntam e arma-se um "lio" tremendo de porcos a correr a grunhir e cães a latir e a ganir. A adrenalina quase que me faz desmaiar. De carabina à cara sigo corridas de porcos a poucos metros de mim sem que vislumbre alguma coisa. Algumas vezes o mato nem mexe, o que indica autênticos túneis nas veredas. Ao longo de mais de hora e meia tive tantas ladras e corridas tão perto e sem que pudesse ver nada que já não ligo. Não me lembro em vinte e tal anos de montarias de uma porta assim. Estou a ficar quase indiferente às ladras pois nada vejo e ouço mais uma e por descargo de consciência olho para trás e vejo um porco a atravessar a estrada!!! levanto-me recriminando-me e encaro a caraabina seguindo o som pois nad vejo e resolvo atirar ao varejo do mato e cerca de um metro à frente de onde o mato mexe (pois este mexe mais perceptívelmente quando se fech após a passagem do bicho), atiro, o bicho arranca com mais velocidade e eu tento segui-lo pelo som e eis que passa na zona da clareira e posso vê-lo por uma fracção de segundo, aponto e ao esconder disparo de novo e tenho a alegria de o ouvir caircom fragor e grande agitar de mato, agitar que segue no mesmo sítio e após algum tempo segue na perpendicular da corrida antes do tiro. Mau sinal, pois está vivo, bom sinal, pois está ferido o bastante para mudar de direcção. Passam vários cães e ouço um deles ladrar de parada. Parece-me um cachorro... Passados algum minutos vejo chegar à estrada e vindos do sítio da ladra de parado, que continua, dois cães um de cabeça preta e outro de cabeça branca e este tráz sangue no focinho. Alegria!! o bicho está morto e o cachorro continua a ladrá-lo.
Passado algum tempo chega o matilheiroque é meu amigo e me convidou para o seu lugar na caçado pela sua ondição de sócio. «Amigo Mota atão atirou?»
-«Atirei».
-«E matou»
-«Acho que matei!». Ele foi ao sítio que indiquei e arrastou para a estrada uma porca cruzada de cerca de 60 kg e o cacchorro que entretanto se tinha entretido a comer os beiços da dita. O tiro estava no tórax um pouco alto, mas perfeito para as condições em que foi efectuado. Estava a 10 metros do sítio da queda, jã na outra encosta.
No final 37 porcos, dos quais 3 puros: uma porca e um farropo alentejanos e um navalheiro de pouco corpo e muito bem armado, mas com uma navalha partida.
O tamanho médio dos bichos era pequeno, mais ou menos30 kg (ajudando à não visualização no mato) e de todas as cores: pretos - cruzados de Alentejano; brancos com pintas pretas - cruzados de Piêtrain; vermelhos - cruzados de Duroc-Jersey; côr normal de javali, mas com focinhos curtos e formas alongadas e perfis côncavos próprios do Sus domesticus.
É uma verdadeira tragédia o que está a acontecer em certas regiões com o cruzamento do javali, Sus scrofa com porcos assilvestrados. Nestas regiões eu sou da opinião de se abater tudo e quando digo tudo incluo leitões de todos os tamanhos. Confesso que na montaria que descrevo rebentei literalmente um leitãodo tamanho de uma lebre e de côr branca com pintinhas pretas. Teve o azar de ter parado no meio da estrada a 7 ou 8 metros de mim e teve o azar da mimha consciência ecológica se tar sobreposto às regras de montaria, as quiaistambém têmum eminente preceito ecológico.
Seguidamente um churrasco de carnes várias e maisum bom dia de convívio.
O abate de uma porca cruzada não desmereceu em nada, pois foi um difícil e feliz lance que ficará nas minhas recordações monteiras.

 
                                >> Responder