| | 283 Utilizadores on-line |    

Login [Entrar]

 
   
 
Caça Maior 

      Título   Autor   Data de Publicação  
                 

   
 
  O Palanque 1  
     
 
21-02-2013 Dia 30 de Abril de 2012, véspera de feriado, tirei mais um dia de férias de forma a aproveitar as noites de Lua e dedicar-me à atividade pela qual sempre fui um apaixonado, a caça, neste caso na modalidade de Espera.
 
     
  ANTÓNIO ALBERTO  
   

 
 
  Sº Gião - Portel  
  Montaria do Ano  
     
  23-01-2012 Para Mim uma das Melhores Montaria que tive conhecimento e Participação na Herdade de Sº Gião - Portel  
     
  paulo cruz  
   

 
   
 
  Reguengos de Monsaraz  
  Montaria da Herdade do Postoro  
     
 
27-02-2011 Não é que tivesse boas recordações dessa zona, porque apanhei um grande barrete na Herdade do Barroco no dia 23 de Outubro 2010! Mas, como sou teimoso e não à bela sem senão, dei o benefício da dúvida e pensei vou ligar, para ver o que isto vai dar.
 
     
  António Manuel Rodrigues Viegas  
   

 
 
  Montaria ao Javali em Tangil - Monção  
     
 
10-02-2011 Relevante evento da caça maior, realizado num dia magnífico e enquadrado numa paisagem deslumbrante. O êxito desta Montaria veio demonstrar que a CAÇA e CONSERVAÇÃO DA NATUREZA são compatíveis, complementam-se e não subsistem uma sem a outra. Para os Monteiros de Portugal e para todos os amantes da Caça Grossa, aqui deixamos o nosso testemunho desta Montaria inesquecível.
 
     
  JOSÉ AFONSO  
   

 
 
  O Troféu de Caça  
  Recordar é Reviver  
     
  20-01-2011 A caça ao troféu, apenas e só pelo troféu é, dentro da actividade venatória, a que menos argumentos apresenta para a firme defesa dos Caçadores. Pessoalmente muito me custa a compreender a morte de um animal pela mera razão do bicho ostentar um conjunto de atributos físicos exemplares, que depois de medidos e certificados são transformados em pontos, medalhas e demais distinções. Nessa busca pelo maior e mais belo troféu, não estará também a ser prejudicada a qualidade genética das espécies caçadas? Não falarei nem de um, nem do outro, porque não entendo semelhante comportamento e porque, quanto à questão, também não lhe sei a resposta. Dedico sim as linhas que se seguem a todos aqueles que buscam no lance de caça uma experiência pessoal enriquecedora, uma memória para a vida, uma narrativa, o seu verdadeiro troféu!  
     
  PEDRO MIGUEL SILVEIRA  
   

 
 
  Um episódio inédito  
     
 
06-01-2011 Chegados ao local da espera começou a escurecer, e não muito longe ouvimos os fortes grunhidos de dois javalis machos que travavam uma violenta luta,
 
     
  José Manuel Paulino  
   

 
   
 
  Andanças na Terra Fria  
     
 
06-01-2011 A pequena batida ao javali era tradicional em Montalegre. Para o efeito, um grupo constituido por cerca de uma vintena de dedicados caçadores, maioritariamente forasteiros, acorria em peregrinação ao encontro do ambiente rude, mas solidário e amigo, do abnegado empenho dos monteadores, do persistente esforço dos cães e da monumental beleza do território. Este é o testemunho desse imperecível jogo cinegético, no qual animais verdadeiramente selvagens possibilitaram que, em plenitude e com autenticidade, se cumprisse A CAÇA.
 
     
  JOSÉ ANTÓNIO A.V.NEVES  
   

 
   
 
  Fui enganado na Montaria da Herdade do Barroco  
     
  25-10-2010 Na segunda montaria da época passada realizada a 27 de Fevereiro de 2010 (ao preço de 250€), na qual participei juntamente com dois amigos, onde estariam à volta de 30 monteiros, cobraram-se 19 javalis, resultado que se considerou bom atendendo às muito más condições meteorológicas, pois foi no dia em que um ciclone atravessou a Península Ibérica com rajadas de vento na ordem dos 150km/h que levou a Protecção Civil a determinar o alerta laranja para todo o território do continente. Nesse dia a mancha estava bem marcada pela presença dos javalis, houve bastantes tiros. Pareceu-me que a jornada de caça terá agradado à generalidade dos participantes, a ponto de alguns deles, onde eu me incluo, terem acorrido ao embuste do passado sábado.  
     
  NELSON CADAVEZ  
   

 
 
  O regresso  
     
 
29-05-2010 Esta “coisa” das esperas está a começar a mexer comigo… há duas luas atrás, por uma falha de percussão da munição, deixei com alguma frustração as terras alentejanas onde fizera a primeira espera em anos. Na altura já tinha decidido voltar, e se na lua passada por motivos vários tal não foi possível, agora, lá consegui.
 
     
  PEDRO HENRIQUE JORGE  
   

 
 
  Dois Colossos  
     
 
16-05-2010 1995, foi ano de valentíssima seca. O calor escaldante do Verão abrasava tudo, deixando sem comida e sem água, tanto o gado doméstico como os animais bravios. “As charcas” e os ribeiros, com uma miséria de água, de dia estavam “tapadas” de gado, “morto de sede” e esfomeado, que ao cair da noite corria os campos em busca do pasto, que praticamente, já não havia. Eram tempos de grandes dificuldades para todos os seres vivos. Logo que o Sol desaparecia lá no Poente, começava a corrida da “bicheza” brava aonde ainda restasse alguma pinga de água, para aliviar a sede, que aguentara durante a tarde abrasadora.
 
     
  JOAQUIM JOSÉ DE OLIVEIRA MOURATO  
   

 
 
  O Caçador  
     
 
09-05-2010 Em meados do último decénio do século passado, uma montaria ao javali, apenas iniciada,terminou abruptamente por causa do falecimento súbito de um caçador no seu posto. Se for verdade que os deuses escolhem os favoritos em ocasiões de felicidade e de prazer, então tudo aconteceu no estrito cumprimento de um destino cordial...
 
     
  José Neves  
   

 
 
  Montarias da Feira da Alheira e Turismo de Mirandela  
     
 
03-05-2010 A ACIM - Associação Comercial e Industrial de Mirandela, vem desde há 10 anos a esta parte realizando a Feira da Alheira, iniciativa que muitos forasteiros traz a esta terra na procura de um dos maiores ex-líbris da cidade. Nesta edição da feira a caça marcou presença através da realização de duas montarias ao javali e de uma prova de Santo Huberto, actividades realizadas em colaboração com duas ZCM´s e uma ZCA. Também o mau tempo marcou presença, essencialmente no sábado com ventos fortes e períodos de chuva praticamente durante todo o dia. Mesmo assim o saldo da iniciativa foi positivo, tendo participado nas duas montarias um grupo significativo de caçadores que juntamente com os seus acompanhantes deram outra envolvência e outra moldura humana à Feira da Alheira deste ano.
 
     
  António Neves  
   

 
 
  Uma espera... desesperante  
     
 
03-04-2010 Eu não sou “esperista”, e há muito que não faço uma espera sequer, ainda que receba regularmente "convites" para isto ou para aquilo, regra geral recuso, até porque o tempo livre que tenho não é muito e as estórias são por demais.
 
     
  PEDRO HENRIQUE JORGE  
   

 
 
  Espera, no chão ou no palaque?  
     
 
27-03-2010 Quero, antes de começar este artigo sobre a preparação duma espera, dizer-vos que o que vou escrever, pretende unicamente dar um modesto contributo para os apaixonados desta modalidade e não pretendo explanar aqui nenhum tratado sobre o tema.
 
     
  JOAQUIM JOSÉ DE OLIVEIRA MOURATO  
   

 
 
  Camarões: Caçadores furtivos matam 2 guardas e 15 elefantes  
     
 
22-03-2010 Dois guardas e 15 elefantes foram encontrados mortos no passado dia 13 no Parque de Babandjida, na região norte dos Camarões, anunciou esta segunda-feira a Radiotelevisão Pública CRTV.
 
     
   
   

 
 
  Uma noite de pura magia, ou como uma porca atrevida fez as nossas delícias  
     
 
19-03-2010 A espera estava marcada com o Tiago (meu filho) há já algum tempo. Aproveitando o final das férias de semestre tínhamos combinado ir à Malarranha o¬nde sabíamos andar um porco grande num dos meus cevadores.
 
     
  João Fonseca  
   

 
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 Próximo

     
  Voltar
 

| Ficha Técnica | Aviso Legal | Política de Privacidade |

 

(TES:0s) © 2004 - 2017 online desde 15-5-2004, powered by zagari