| | 428 Utilizadores on-line |    

Login [Entrar]

 
   
 
 
Relatos de Montaria

Início

Anterior


Reguengos de Monsaraz
Montaria da Herdade do Postoro
 

     

25-02-2013

 

Se não fosse o problema da recolha das rezes, eu diria que a “coisa” tinha sido perfeita. Mas a demorada, tardia e incompleta recolha dos javalis cobrados, ultrapassando tudo o admissível, “borrou a pintura”.

Data.: 9 de Fevereiro 2013
Organ.: Prop. (Nilton Lopes)
Postos.: 30
Matilhas.: 6
Resultado.: 49 Javalis


Basta dizer que eu saí do Postoro às 20 horas e até essa hora estavam recolhidos 34 javalis!... Os restantes terão sido recolhidos no dia seguinte.

Deste modo não deu para fazer o quadro de caça, nem sequer parcialmente. Foi pena…

De resto, tivemos um dia de sol espectacular, sem frio; e havia realmente muitos porcos. Eu contei cerca de 160 disparos, mas creio que se terão disparado perto dos 200. No meio de tudo isto, eu considero-me cheio de sorte; primeiro porque o posto me havia sido oferecido (muito obrigado amigo Nelson C.), depois tocou-me um posto lindíssimo, em cima de um penhasco, com tiradeiros fantásticos e por fim disfrutei de 4 lances e cobrei 3 javalis, um dos quais navalheiro e um “cruzado” com perto de 100 kg. Há dias de sorte!

Apesar dos boatos que corriam, relativamente à existência de porcos cruzados, posso dizer que estes eram uma minoria insignificante.

Os horários de início foram cumpridos; concentração e pequeno almoço seguido do sorteio às 9 horas; às 10,30 estávamos colocados e a solta das matilhas aconteceu por volta das 11,15 horas.

Foi um belo dia de caça. Só foi pena ter chegado a casa às 10 da noite. Cansado, mas satisfeito.



João de Almeida Faria

 

 
Imprimir   Imprimir
     
     
     
     
 
 
 
Votos (30)    
 
     

Comentário(s) (1)   Comentário(s) (1)    
    Herdade do Postoro    
   
     
  Voltar

 
 

| Ficha Técnica | Aviso Legal | Política de Privacidade |

 

(TES:1s) © 2004 - 2017 online desde 15-5-2004, powered by zagari