| | 158 Utilizadores on-line |    

Login [Entrar]

 
   
 
 
Relatos de Montaria

Início

Anterior

Próximo

Fim


Montaria de Cedães
 

     

Autor: António Neves

11-12-2006 10:00:00

 

   
Encontramo-nos no “Pélé” pelas 8:30 para um cafezinho e juntar o grupo antes de arrancar para Cedães. O João, filho de um dos organizadores, dizia “hoje não vai dar javalis”. Logo se verá….pensava eu.

Montaria: Zona de Caça Municipal do Quadrassal
Local: Cedães - Mirandela
Data: 4 de Novembro de 2006
Organização: Associação de Caçadores da Freguesia de Cedães
Taxas (€): A – 10; B – 15; C – 20; D – 25
Tempo: Céu muito nublado com períodos de chuva
Matilhas: 4
Postos: 75
Tiros: ± 125
Resultado: 10 javalis (1 Bom Navalheiro)

Chegados ao local de concentração, a Escola Primária de Cedães, infelizmente também esta fechou por falta de alunos, esperava-nos um bom pequeno almoço, onde não faltou, queijo, presunto, pão, vinho, e depois uma entremeada assada na brasa ali ao nosso lado. Por fim uma saborosa canja de galinha. Parabéns às senhoras da terra que a confeccionaram. Ainda no decorrer do pequeno-almoço ao meu lado o Sr. João Manuel, de Vale Madeiro, dizia num tom sério “a mancha está cheia de javalis”. A coisa vai animar, pensava eu.

O sorteio das portas foi feito no acto de inscrição. O transporte para a mancha e a colocação de portas foi bastante rápido, iniciando-se a montaria pelas 11:30. Antes da solta do foguete já o Valbom tinha descarregado 2 munições 9.3x74 da sua nova express a um “porquito” que andava ali junto a ele afugentado pelo barulho da colocação das portas. Após 2 horas de montaria, dizia-me ele ao telefone “tenho estado constantemente a sentir e a ver porcos aqui à minha beira”. Sortudo!

No decorrer da montaria, mais me pareceu estar a caçar aos tordos, pela quantidade de tiros que se ouviram. Confirmava-se o que dizia o João Manuel, a mancha estava efectivamente bem composta de javalis.

As quatro matilhas trabalharam bem, mas pareceram-me poucas, isto porque junto à minha porta, ficou muito monte por montear. Após forte chuvada, final de montaria. Regressamos ao local da concentração, pois esperava-nos uma excelente feijoada à Transmontana.

Já no local da concentração alguns agricultores da freguesia, ficavam espantados com o número de javalis abatidos. “Foi o melhor resultado” dizia um.

Relativamente à organização nada a criticar, embora em minha opinião tenham faltado duas coisas, a meu ver muito importantes: a afixação em local visível de um mapa da localização da mancha e respectivos postos e umas breves palavras aos monteiros, essencialmente sobre os procedimentos a ter ao nível da segurança. Devem ser acauteladas estas situações em futuras montarias.

Contem connosco na próxima. Fica o convite aos confrades monteiros do Portal Santo Huberto.
 

 
Imprimir   Imprimir
     
     
     
     
 
 
 
Votos (69)    
 
     
   
     
  Voltar

 
 

| Ficha Técnica | Aviso Legal | Política de Privacidade |

 

(TES:0s) © 2004 - 2019 online desde 15-5-2004